sábado, 25 de julho de 2009

de repente, eu tive uma revelação

Eu descobri o porquê de eu não conseguir não pensar nele, porque eu ficava lembrando de tudo que aconteceu com a sensação de que estava faltando alguma coisa.
Eu estava esperando que nós nos tornássemos eles - porque de alguma maneira estranha, a gente se encaixa perfeitamente no papel. Porque ele é parecido com o Chris, ainda mais na foto que eu tenho dele.

O pior é que, quando eu descobri isso, ao invés de eu entender tudo e desfazer a idéia na minha cabeça, as coisas só ficaram piores. Porque ainda dá tempo.

Nenhum comentário: