quarta-feira, 26 de agosto de 2009

eu gosto de personagens

♦ que mostrem uma sensibilidade maior do que os outros ao seu redor;
♦ que se importem com seus amigos e com sua família - ou todas as pessoas que ele gosta, mesmo que ele seja bem seletivo na questão de gostar de pessoas;
♦ que não sejam exatamente sérios, ou independentes, ou modernos, ou legais. personagens que não se levem a sério demais, que se permitam ser o escape cômico algumas vezes, ou até mesmo o sidekick da história;
♦ que sejam bonitos, mesmo que meu conceito de beleza seja bem relativo;
♦ que não tenham nada de especial, como poderes maiores que o das pessoas ao seu redor, uma grande habilidade em algo ou coisas do tipo;
♦ que tenham uma história boa, um bom desenvolvimento, evolução no decorrer da narrativa;
♦ que se ferrem algumas vezes;
♦ que sofram;
♦ que tenham uma série de defeitos;
♦ que não sejam necessariamente os favoritos das outras pessoas;
♦ com quem eu me identifique;
ou não.

(é claro que eles não precisam ter todas as características listadas acima.)

domingo, 23 de agosto de 2009

crush and crumble under your defenses

It's not treason, it's no lie
You frame the photograph
I sit on fences
Change of season, love can die

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

no final

foram os corais que mataram os peixinhos! D:

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

sobre a vida aquática

Cheguei ao escritório e me deparei com um aquário - daqueles legais, com sistema de aquecimento e limpeza de água e tudo mais. Dois Peixes Palhaço (ou Nemo e Neminho), um peixe estranho, roxo com amarelo que supostamente vivia escondido. Alguns caramujos, caranguejos, um camarão e vários corais.

Era bonito, e como alguém que nunca tinha passado dos peixinhos dourados, eu fiquei um bom tempo observando. E quando fui para casa, já gostava dos peixinhos e dos corais - só não dos caramujos e dos caranguejos, que eram horríveis (e continuam sendo).

No outro dia, os peixes e o camarão haviam morrido. Só quem permanecera foram os caranguejos e um caramujo. Assim, do nada.

E hoje, cinco dias depois, o aquário voltou ao seu estado de equilíbrio - ainda sem peixes, mas com os corais novamente recuperados, a água limpa. No final, os caranguejos acabaram limpando tudo, e não há nada que denuncie o que aconteceu semana passada.

(Não se tem explicação ainda do agente causador da chacina)